Telefone/WhatsApp: (84) 99911-9627

41% das visualizações dos clipes de Anitta já vêm de fora do Brasil


Postado em 30 de julho de 2018 - 9:14h

Há uma semana, ela pediu este contexto em uma reportagem do G1 sobre “Medicina”. A faixa foi mais ouvida no Brasil que em países hispânicos no 1º dia, mesmo com letra em espanhol. Ela respondeu no Twitter, explicando o projeto de carreira no Brasil e, agora, lá fora: “sem pressa e desespero”.

O papo passou de “Medicina” para estatística. Anitta citou três vezes a palavra “gráficos”. Ela fala de picos de sucesso e pequenas quedas como partes da construção da carreira – consolidada no Brasil e recente no mercado hispânico. “Favor analisar qualquer gráfico de crescimento”, ela pediu.

Fonte: G1