Telefone/WhatsApp: (84) 99911-9627

Rio Grande do Norte foi o estado mais violento do Brasil em 2017


Postado em 10 de agosto de 2018 - 8:00h

O Rio Grande do Norte foi o estado mais violento do país no ano passado. Estatísticas reveladas pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública apontam que o Brasil atingiu em 2017 o maior número de mortes violentas intencionais da sua história. Foram 63.880 vítimas, o equivalente a 175 por dia, 7 por hora. A taxa de mortes violentas intencionais por 100 mil habitantes atingiu a marca de 30,8. O RN assumiu a liderança entre os estados mais violentos do país em 2017, com uma taxa de 68 mortes para cada 100 mil habitantes. Os dados foram revelados nesta quinta-feira (9).

O ano de 2017 foi marcado por brigas entre facções criminosas que causaram diversas mortes. Um desses episódios aconteceu em janeiro do ano passado na Penitenciária de Alcaçuz, na Grande Natal, onde ao menos 26 detentos foram mortos. Ao todo, foram 2.247 homicídios (também conhecidos como Crimes Violentos Letais Intencionais ou CVLIs) no estado em 2017, mais de 300 a mais do que em 2016 (1.915). A estatística contabiliza homicídios dolosos (quando há intenção de matar), latrocínios (roubo seguido de morte) e lesões corporais seguidas de morte.

Outro estado do Nordeste que apresentou crescimento na escalada de violência foi o Ceará, com uma taxa de 59,1 mortes para cada 100 mil habitantes, que o deixou na terceira colocação dos estados mais violentos do país. Foram 5.171 homicídios no ano passado, mais de 1,5 mil a mais do que em 2016 (3.457). Ao todo, quatro dos nove estados da região tiveram aumento no número de mortes violentas.

Fonte: OP9