Telefone/WhatsApp: (84) 99911-9627

De olho no Pan, judocas brasileiros partem para disputa de Grand Prix


Postado em 4 de julho de 2019 - 15:41h

De olho em competições importantes que acontecerão em agosto, como o Campeonato Mundial de Tóquio e os Jogos Pan-Americanos 2019, o judô brasileiro parte para Montreal, no Canadá, para a disputa de mais um Grand Prix, que terá início nesta sexta-feira (5) e se encerrará no domingo (7).

A competição vale até 700 pontos no ranking internacional e, para os judocas, servirá como preparação para as competições disputadas em agosto.

Para David Moura, representante do Brasil no peso pesado, categoria para atletas com mais de 100kg, o Grand Prix é um ótimo parâmetro para as competições que virão a seguir. “Praticamente todos os adversários mais fortes estarão em Montreal. Acho ótimo. Minha expectativa é lutar deixando tudo no tatame como vou fazer nos Jogos Pan e no Mundial”, avalia o judoca.

Mirando também as Olimpíadas de Tóquio, o meio-pesado Leonardo Gonçalves sabe que a disputa não será fácil. “Vai ser uma competição duríssima. Uma boa competição pré-Jogos Pan e Mundial. Além de valer pontos importantes para o ranking que podem me deixar mais perto dos Jogos Olímpicos de 2020”, projeta o atleta que fará a dobradinha no 100kg com Rafael Buzacarini.

Além dos três, a CBJ (Confederação Brasileira de Judô) convocou também Eric Takabatake (60kg), Felipe Kitadai (60kg), Michael Marcelino (66kg), Eduardo Katsuhiro (73kg), Eduardo Yudy (81kg) e Rafael Macedo (90kg). Completam o time os seguintes judocas selecionados por meio do processo de adesão: Gabriela Chibana (48kg), Sarah Menezes (52kg), Aléxia Castilhos (63kg), Mariana Silva (63kg), Amanda Oliveira (70kg), Samanta Soares (78kg), Alex Pombo (73kg), Tiago Pinho (81kg) e Eduardo Bettoni (90kg).

Fonte: R7