Telefone/WhatsApp: (84) 99911-9627

Semis da Copa do Brasil podem ser quase ‘replay’ dos últimos dois anos


Postado em 17 de julho de 2019 - 7:14h

Por muitos anos, se criou a fama que a Copa do Brasil era a “mais democrática das competições brasileiras”, pelo simples fato de que inúmeros times, de todas as regiões do país, iniciam a disputa. Porém, se outrora algumas surpresas chegaram até mesmo a levantar a taça do torneio, como por exemplo o Santo André e o Criciúma, hoje em dia o que se vê é um domínio quase que total de alguns clubes.

Isso porque se levarmos em consideração que as semifinais do torneio em 2017 foram disputadas entre Flamengo, Botafogo, Cruzeiro e Grêmio e que no ano seguinte Corinthians e Palmeiras subtituíram Botafogo e Grêmio, o cenário indica uma grande polarização.

Isso porque Flamengo e Cruzeiro, entre os quatro melhores nas duas edições anteriores, com os mineiros se sagrando campeões em ambas, podem novamente se garantir nas semifinais em 2019. Enquanto os cariocas jogam em casa contra o Athletico-PR precisando apenas de uma vitória simples, os mineiros fazem o clássico contra o Atlético-MG podendo até mesmo perder por dois gols de diferença, já que venceram o confronto de ida por 3 a 0.

Outros dois “velhos conhecidos” que estiveram entre os quatro melhores em edições recentes e podem novamente figurar entre eles são Grêmio e Palmeiras, coincidentemente os dois que foram eliminados pelo Cruzeiro em 2017 e 2018, respectivamente.

Fonte: R7