Telefone/WhatsApp: (84) 3412-4414

Espetacular Fla. Pronto para dois títulos no próximo fim de semana


Postado em 18 de novembro de 2019 - 7:38h

O Flamengo conseguiu mais uma façanha em 2019.

Com oito reservas e ainda Gabigol expulso infantilmente, o time de Jorge Jesus trocou a técnica pela garra, vibração, obediência tática.

E venceu a equipe poderosa equipe de Renato Gaúcho, sedenta de vingança. Afinal, havia sido eliminada da final da Libertadores depois de goleada por 5 a 0.

Mas o Flamengo está encantado.

E, em plena arena gremista lotada, conseguiu outra vitória. Atingiu a marca de 25 jogos sem derrotas.

Ganhou por 1 a 0, gol de Gabigol, cobrando pênalti inexistente, aos 36 minutos do primeiro tempo.

Se tivesse consultado o VAR, Raphael Claus teria visto que Léo Moura tocou com o braço na bola, só que ele era o de apoio na queda e a Fifa afirma que, neste caso, o pênalti deve ser marcado.

Gabigol se transformou no jogador a mais marcar gols no Brasileiro na história do Flamengo. Chegou a 22 gols, disparado na artilharia do nacional. Ultrapassou o maior ídolo Zico, que tinha 21 gols. E chegou a incríveis 38 gols em 2019.

Mesmos com 65% de posse de bola, o Grêmio não conseguiu superar as duas linhas de marcação de Jorge Jesus, com o português assumindo que se conquista um título também defendendo.

Sua equipe chegou ao recorde, desde que os pontos corridos foram instituídos, em 2003, de 25 vitórias no Brasileiro, deixando para trás Cruzeiro, Corinthians e Palmeiras, que atingiram 24.

O Flamengo chegou a 81 pontos, abrindo 13 pontos do Palmeiras, que apenas empatou com o Bahia, em Salvador.

Igualou o recorde do Corinthians, em 2015, com a maior pontuação do Brasileiro com 20 clubes.

Como a partida contra o Vasco foi adiantada da 34ª rodada, o rubro negro pode ser campeão no próximo domingo, sem entrar em campo.

E comemorar o troféu nacional um dia depois da decisão da Libertadores.

Basta o mesmo Grêmio que humilhou com os 5 a 0, e que derrotou hoje novamente, vencer ou empatar com o Palmeiras, em São Paulo.

E o título será confirmado a quem de direito, quatro rodadas antes do fim do Brasileiro.

O final de 2019 está fabuloso para o clube da Gávea.

A vitória de hoje em Porto Alegre é o último incentivo, doping psicológico para a final da Libertadores, no próximo sábado, em Lima, contra o River Plate.

O próximo fim de semana pode ser histórico.

O Flamengo conquistar a América no sábado.

E o Brasil, no domingo.

Fonte: R7