Telefone/WhatsApp: (84) 99911-9627

Moradores de Baía Formosa afirmam que conterrâneo mentiu sobre suspeita de coronavírus


Postado em 14 de fevereiro de 2020 - 11:17h

Pessoas que afirmam conhecer ‘Gustavo Potiguar’, jovem de 25 anos que usa as redes sociais para confirmar ser o paciente internado com um caso de suspeita de coronavírus em investigação, não têm dúvidas: ele exagerou. Desde a quarta-feira (12), ele está isolado no Hospital Giselda Trigueiro, na zona oeste de Natal, após chegar tossindo a uma unidade de saúde relatando que teve contato com chineses – a China é o epicentro do problema.

Em áudio que circula nas redes sociais, uma pessoa que afirma morar em Baía Formosa, cidade litorânea onde Gustavo também reside, afirmou que o homem mentiu. “Ele inventou essa história, tá isolado no Giselda Trigueiro, saindo em tudo que é jornal pra aparecer. Tá todo mundo revoltado. Ele tá brincando com algo muito sério”.

Outro internauta afirmou que ele tem problemas psiquiátricos: “Ele tem transtorno mental. Quando vimos que era ele, a cidade (Baía Formosa) se manifestou”.

Preocupado com a queda de turistas na folia carnavalesca, que é forte na cidade de Gustavo, declarou: “Nada vai atrapalhar o Carnaval de Baía Formosa”.

Em vídeo publicado em uma rede social e gravado no isolamento no Giselda Trigueiro, Gustavo voltou a dizer que teve contato com chineses em Pipa, praia muito visitada por turistas do mundo inteiro, e se defendeu. “Estão me julgando. São muitas coisas. Mas preciso esclarecer alguns pontos. Primeiro: jamais quis causar pânico”, disse.

Fonte: Portal da Tropical