Telefone/WhatsApp: (84) 99911-9627

Polícia Civil registra 34 crimes eleitorais e comuns nas eleições do RN e faz balanço positivo


Postado em 17 de novembro de 2020 - 7:17h

Com um efetivo de 250 policiais civis distribuídos nas 10 delegacias regionais e a atuação de equipes nas cidades menores, a Polícia Civil do Rio Grande do Norte registrou 25 ocorrências no interior e 9 na capital de crimes eleitorais e comuns durante a operação eleições 2020.

Um balanço positivo, segundo a Delegada Geral da Polícia Civil do estado, Ana Cláudia Saraiva. “Nós podemos dizer sim que foi um pleito eleitoral tranquilo”. Das ocorrências no interior, três foram casos de corrupção eleitoral, com a efetivação de prisão em flagrante; 13 termos circunstanciados de ocorrência, sete boletins e um caso envolvendo um adolescente.

Em Natal e região metropolitana, a polícia civil teve o registro de nove ocorrências envolvendo boca de urna, compra de votos e crimes comuns. “Todos esses procedimentos foram lavrados os respectivos autos ou de termos circunstanciados de ocorrência ou auto de prisão em flagrante e tomadas as devidas providências”, ressaltou a delegada Ana Cláudia.

A operação montada atendeu tanto os crimes eleitorais quanto os delitos comuns. E para dar assistência a todos os municípios, as 10 delegacias regionais funcionaram em regime de plantão e uma unidade foi montada no Complexo de Delegacias Especializadas para todos crimes fossem eles eleitorais ou comum e dar apoio a PRF e a Polícia Federal. “Agora, aqueles que tentaram infligir a Lei Eleitoral irão responder pelo seus atos”, destacou Ana Cláudia.

A delegada relatou que estão sendo investigados dois casos no interior e um na capital envolvendo candidatos. “Essas investigações serão dadas a continuidade, colhidas todas as provas e encaminhadas os autos à Justiça Eleitoral e à Justiça comum, conforme o caso.”

Fonte: Portal da Tropical