Em 30 dias, prisões por embriaguez ao volante superam números de 9 meses de 2021

Foto: Divulgação/Polícia Militar

Durante o mês de setembro de 2022, 36 condutores foram levados à delegacia por embriaguez ao volante no Rio Grande do Norte, durante ações da Lei Seca. De acordo com o Comando de Polícia Rodoviária Estadual (CPRE), o número prisões pelo crime é superior ao registrado nos nove primeiros meses de 2021.

Segundo os dados do CPRE, de janeiro a setembro do ano passado, foram 34 motoristas presos por dirigir sob efeito de álcool no estado. O crime, capitulado no artigo 306 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), tem pena prevista de detenção de seis meses a três anos, sendo passível de fiança.

Nos últimos 30 dias, além da autuação administrativa de 239 condutores por dirigir sob efeito de álcool, a Lei Seca registrou ainda cinco procedimentos por porte de entorpecentes; um veículo roubado recuperado; cinco flagrantes de menor ao volante e uma arma de fogo apreendida.

Nenhum óbito decorrente de sinistro de trânsito por condutor alcoolizado foi registrado neste mês na capital do Estado.

Portal da Tropical

Postado em 30 de setembro de 2022