Chefão no Catar admite acerto de Abel Ferreira com Al-Sadd

Foto: CESAR GRECO/PAMEIRAS

Abel Ferreira está mesmo de saída do Palmeiras. Pelo menos é o que Antero Henrique, diretor esportivo da Catar Sports League, tem garantido a pessoas próximas. Foi Antero quem conduziu as tratativas com Hugo Cajuda, empresário de Abel, para o acordo com o Al-Sadd.

O blog verificou que a transferência pode valer até 20 milhões de euros por temporada para o treinador e sua comissão técnica, incluindo bônus por títulos.

O valor equivale a R$ 107 milhões, livres de impostos. Ou seja, Abel e seus auxiliares teriam direito a quase R$ 9 milhões por mês. No Palmeiras, o treinador ganha R$ 2,8 milhões brutos a cada 30 dias — ele é, de longe, a figura com maiores vencimentos da história do futebol brasileiro.

A ideia é que Abel deixe o Palmeiras no fim do Campeonato Brasileiro, que termina na quarta-feira (6/12). O português tem contrato até 31 de dezembro de 2024, e sua multa rescisória foi reduzida para 3 milhões de euros, a pedido do técnico.

O blog procurou o Palmeiras, que garante desconhecer qualquer acerto. Hugo Cajuda também tem mantido sigilo. Entre os atletas, já existe a preocupação com a perda do técnico, que está perto de faturar seu nono título em três anos.

Depois da vitória por 4 a 0 contra o América, nesta quarta-feira, o Palmeiras chegou a 66 pontos, contra 63 de Botafogo, Atlético-MG e Flamengo. Se vencer o Fluminense no fim de semana, o Verdão põe uma mão e meia na taça, já que alcançaria 69 pontos, com saldo de gols bem superior ao dos rivais. O Palmeiras conta com 30 gols de saldo, contra 23 do Botafogo, 22 do Galo e 14 do Flamengo.

R7/Jorge Nicola

Postado em 30 de Novembro, 2023