Gabigol consegue efeito suspensivo e está liberado para voltar ao Flamengo

Gabigol está liberado para voltar a treinar e a jogar pelo Flamengo.

A defesa do atacante conseguiu um efeito suspensivo no TJD-AD (Tribunal de Justiça Desportiva Antidopagem) por decisão unânime. Com isso, o jogador está liberado para retornar ao trabalho imediatamente enquanto aguarda o julgamento do recurso, que ainda não tem prazo.

A defesa alegou que Gabigol tem sido prejudicado por não poder trabalhar enquanto julgam recurso.

Gabigol foi punido no dia 25 de fevereiro. Ele foi condenado pelo TJD-AD (Tribunal de Justiça Desportiva Antidopagem) a dois anos de suspensão. Agora, a defesa recorre ao CAS (Corte Arbitral do Esporte).

O atacante foi acusado de tentativa de fraude em exame antidoping no Centro de Treinamento do Flamengo, um dia antes de um jogo contra o Fluminense pelo Campeonato Carioca. Ele teria dificultado a realização do exame, desrespeitando os oficiais responsáveis pela coleta da urina e não seguindo os procedimentos adequados.

Segundo a acusação, Gabigol tentou esconder a genitália no momento de urinar na vasilha, o que configura fraude.

A Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem (ABCD) realiza o “doping surpresa” nos centros de treinamentos dos clubes brasileiros regularmente durante a temporada. Os atletas são proibidos de recusar a realização da coleta de amostra após notificação, segundo as regras da instituição.

O atleta Gabriel Barbosa está liberado para atuar nas competições disputadas pelo Clube de Regatas do Flamengo. A defesa do atacante conseguiu o efeito suspensivo por decisão unânime.

UOL

Postado em 30 de Abril, 2024